Casa Esportes Série D: Bragantino assume ponta do Grupo 1 e afunda Independente

Série D: Bragantino assume ponta do Grupo 1 e afunda Independente

por Alberto Lima


O Bragantino (PA) assumiu a liderança do Grupo 1 da Série D do Campeonato Brasileiro. Neste domingo (11), atuando em casa, no estádio Diogão, em Bragança (PA), debaixo de muito calor, o Tubarão do Caeté venceu o duelo paraense contra o Independente de Tucuruí (PA) por 2 a 0, pela quinta rodada da competição. A partida foi transmitida ao vivo pela TV Brasil.

Com a vitória, o Bragantino chegou aos mesmos 10 pontos do Galvez (AC), que bateu o Atlético (AC) por 3 a 0 no sábado (10). As equipes têm o mesmo saldo (dois), mas os paraenses ficam à frente pelo número de gols marcados (dez a oito). Os dois times, inclusive, enfrentam-se na próxima quinta-feira (15), às 19h (horário de Brasília), na Arena Acreana.

Ainda zerado, o Independente é o lanterna da chave e volta a jogar na quarta-feira (14), às 16h, contra o Atlético, no estádio Navegantão. Mesmo que vença, o clube de Tucuruí, que atuará em casa, não deixará a última posição do grupo. São cinco derrotas em cinco partidas, com apenas dois gols marcados e 12 sofridos.

A missão do Galo Elétrico, de buscar a reabilitação na Série D, ficou mais complicada antes mesmo da bola rolar. O resultado dos testes do novo coronavírus (covid-19) feitos pelo lateral Gabriel, o meia Márcio Telê – ambos relacionados para o jogo – e o técnico Charles Guerreiro não foram enviados a tempo pelo laboratório responsável. Eles não puderam ir a campo.

O ex-volante de Flamengo, Fluminense, Vasco, Remo e seleção brasileira foi substituído no banco de reservas pelo auxiliar Carlos Rocha, que tinha apenas cinco atletas para utilizar, se necessário, entre os suplentes. Com 10 minutos, o treinador teve de queimar a primeira alteração. O meia William reclamou de dores no músculo adutor da coxa direita e foi substituído pelo atacante Danrley.

Série D: Bragantino assume ponta do Grupo 1 e afunda Independente

Série D: Bragantino assume ponta do Grupo 1 e afunda Independente – DECOM Bragantino/Marcelle Pires/Direitos reservados

Com a temperatura na casa dos 34ºC, a partida começou truncada e pouco movimentada, com o Bragantino mostrando um pouco mais de disposição ofensiva. Aos 16 minutos, o lateral Esquerdinha bateu cruzado e acertou a trave. Logo na sequência, após uma cobrança de falta do atacante Fidélis, o zagueiro Gabriel Gonçalves desviou de carrinho e o goleiro Renan Paredão, no reflexo, evitou o gol.

O ritmo lento do jogo fez com que os lances de mais perigo só reaparecessem no fim da primeira etapa. Aos 43 minutos, uma cabeçada de Canga passou rente à trave. Quatro minutos depois, o atacante se deu melhor. Depois de uma cobrança de escanteio pela esquerda, o goleiro do Galo saiu mal e o camisa 9 do Tubarão, com liberdade, escorou para as redes.

Na etapa final, o Independente equilibrou as ações, mas só assustou em lances de bola parada. Na melhor oportunidade, aos 39 minutos, o goleiro Axel pulou no canto direito e fez boa defesa em cobrança de falta do zagueiro Ezequias. Até então, o lance mais agudo dos 45 minutos finais era um chute de fora da área do meia Edicleber, do Bragantino, que parou no travessão.

Só que com o Galo todo no ataque e dando espaços na defesa o Tubarão aproveitou e definiu o marcador com Wendel. Aos 41 minutos, após contra-ataque puxado pela direita, ele foi lançado pelo também atacante Bilau, driblou Renan Paredão e mandou para as redes.

Veja, abaixo, mais resultados da quinta rodada da Série D.

Grupo 4

Central (PE) 1×1 Vitória da Conquista (BA)

Grupo 5

União Rondonópolis (MT) 1×0 Operário de Várzea Grande (MT)

Grupo 6

Caldense (MG) 1×0 Villa Nova (MG)

Atlético (BA) 3×1 Bahia de Feira (BA)

Grupo 8

São Luiz (RS) 0x0 Pelotas (RS)

Joinville (SC) 1×1 Caxias (RS)

Regulamento

A Série D do Campeonato Brasileiro tem 64 clubes, abrange os 26 estados brasileiros e o Distrito Federal. Sob critérios regionais, as equipes foram divididas em oito grupos com oito times em cada. Os quatro melhores de cada chave avançam ao mata-mata. Os quatro classificados para a semifinal ganham o direito de disputar a Série C em 2021.

Confira a classificação da Série D do Campeonato Brasileiro.



Fonte EBC

Postagens Relacionadas

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Assumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Leia mais

Política de privacidade e cookies