Casa Tecnologia Relógio em NY faz contagem regressiva para crise climática tornar-se irreversível

Relógio em NY faz contagem regressiva para crise climática tornar-se irreversível

por Alberto Lima


A crise climática é uma bomba-relógio, contando os segundos para o momento em que o planeta inteira será condenado por essa lenta e gradual porém potencialmente definitiva “explosão”. Para melhor significar essa apocalíptica contagem regressiva, os artistas Gan Golan e Andrew Boyd escolheram o famoso relógio localizado na Union Square, praça em Manhattan, nos EUA, para alertar o mundo sobre o prazo cada vez mais curto até que os efeitos das mudanças climáticas se tornem irreversíveis. Intitulada Climate Clock, a reprogramação do famoso relógio em Nova York aconteceu no último dia 27 de setembro, dia final da Semana do Clima.

Para determinar o prazo de 7 anos, 103 dias e algumas horas que começou a ser contado no final de setembro a dupla de artistas se baseou nas pesquisas do Mercator Research Institute on Global Commons and Climate Change, instituto de pesquisa sobre mudanças climáticas em Berlim, na Alemanha. Assim, o relógio nos lembra o curto período que ainda temos para alterar o curso da ação humana sobre o meio-ambiente, transformar radicalmente a maneira com que produzimos e consumimos e migrarmos para uma realidade sustentável ampla e irrestrita, se ainda quisermos ter um planeta minimamente saudável no futuro.

A inauguração do relógio em Nova York

“O relógio é uma maneira que encontramos de passar uma mensagem da ciência com forte impacto”, afirma Boyd. “Este alerta nos avisa que precisamos reduzir nossas emissões o mais rápido possível. A tecnologia está aí para nos avisar.” Antes da reprogramação, o relógio já vinha exibindo mensagens sobre o prazo e a necessidade de medidas urgentes a fim de reduzir o impacto da ação humana. Outros relógios similares foram estabelecidos em cidades diversas do planeta, com a mesma contagem regressiva nos alertando.

© Getty Images

“As mudanças climáticas já começaram. Já estão acontecendo. Este não é uma alarme para avisar que em 7 anos iremos enfrentar uma crise climática. É como se fosse uma contagem regressiva avisando que precisamos agir o quanto antes”, afirma Golan. “Precisamos agir hoje. continuar nossas ações amanhã e em todos os dias que temos pela frente. cada segundo conta. precisamos agir a tempo”.

Relógio similar em Berlim © Getty Images

O projeto Climate Clock mantém um site exibindo a contagem e incentivando outras cidades a também realizarem seus relógios – um já havia sido instalado em Berlim no ano passado, e o próximo será feito em Paris no ano que vem, mas os efeitos irreversíveis da crise climática poderão ser sentidos por todos em todo o mundo.

© Getty Images

 

 

 

 





Fonte Hypeness

Postagens Relacionadas

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Assumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Leia mais

Política de privacidade e cookies