Governo britânico assina acordo com Anatel e deve aportar até R$ 94 milhões no Brasil

A Anatel e a Embaixada Britânica assinaram nesta última quinta-feira, 10, um memorando de entendimento (MoU) que integrou o Brasil no Digital Access Programme, mantido pelo Fundo de Prosperidade (Prosperity Fund) do governo britânico. O programa prevê o aporte de até 14 milhões de libras esterlinas (cerca de R$ 94 milhões) em projetos no Brasil.

Segundo a agência reguladora, a iniciativa deve promover o acesso digital para populações vulneráveis, “utilizando a inclusão digital aprimorada para apoiar ecossistemas digitais em expansão, criar empregos qualificados e gerar soluções digitais para desafios locais”. África do Sul, Nigéria, Quênia e Indonésia já participam do Digital Access Programme.

O MoU foi assinado pela encarregada de negócios da Embaixada Britânica no Brasil, Liz Davidson, e o presidente da Anatel, Leonardo Euler de Morais. Na ocasião, Euler ressaltou o estreitamento da cooperação bilateral entre os países em temas como expansão da infraestrutura e do acesso em telecomunicações.

“O Brasil é um país continental, com diferentes realidades, diferentes idiossincrasias e particularidades. Nós temos certeza de que essa cooperação pode ser bastante e mutuamente benéfica”, afirmou o presidente. Já Davidson manifestou desejo de habilitar o atendimento para populações vulneráveis de forma “inclusiva, segura e sustentável”.

Fonte Teletime