Fóssil embrionário de dinossauro incrivelmente raro revela chifre facial

Um embrião de 80 milhões de anos foi revelado como um fóssil de dinossauro raro e levou a algumas descobertas interessantes.

Fóssil de dinossauro encontrado

Os saurópodes, como os brontossauros, viveram durante as idades jurássica e cretácea.

Eles são um dos animais mais titânicos que já caminharam sobre a Terra e são bem conhecidos por seu tamanho impressionante e pescoço longo.

Mas é muito difícil achar um fóssil de dinossauro jovem.

O paleontólogo John Nudds, da Universidade de Manchester, na Inglaterra, explicou que achar dinossauros embrionários preservados dentro de seus ovos é extremamente raro.

Quando encontrados, essas raridades são analisadas como antigos restos embrionários e levam a algumas descobertas interessantes.

Curiosidades sobre o embrião de dinossauro titanossauro

Reconstrução da anatomia crâniofacial do dinossauro

O paleobiólogo Martin Kundrát, da Universidade Pavol Jozef Safárik, na Eslováquia, revelou as características encontradas nesse fóssil de dinossauro.

“Uma face em forma de chifre e uma visão binocular são características bastante diferentes do que esperávamos em titanossauros”, disse ele.

No entanto, os primeiros vestígios inequívocos de saurópodes bebês não eclodidos foram encontrados em um depósito sedimentar chamado Auca Mahuevo, nas terras áridas da província patagônica de Neuquén, Argentina.

Só que essa recente descoberta de ovo fossilizado chamou a atenção dos pesquisadores nos Estados Unidos. Provavelmente, o ovo foi retirado da Patagônia ilegalmente em algum momento do passado.

Detalhes sobre o fóssil

Agora, os restos mortais foram repatriados para o Museu Municipal Carmen Funes na Plaza Huincul, Argentina.

Mas, infelizmente a remoção do ovo de seu lugar de origem na Patagônia significa que não sabemos originalmente de onde o fóssil de dinossauro veio.

Embora Auca Mahuevo seja um bom palpite, a geoquímica de sua composição mineral não é compatível.

Ainda assim, é um achado notável e com características únicas não vistas em nenhum fóssil de saurópode adulto.

Com uma nova tecnologia de imagem chamada microtomografia síncotron, os pesquisadores conseguiram produzir imagens 3D altamente detalhadas do crânio do dinossauro saurópode por nascer, completo e com dentes minúsculos.

crânio do embrião do dinossauro

Nudds disse que ”parte do crânio desses saurópodes embrionários foi estendido em um focinho ou chifre alongado, de modo que eles possuíam um rosto de formato peculiar”.

Suas órbitas oculares são mais inclinadas para a frente do que as vistas em espécimes adultos.

Titanossauro embrião

A equipe concluiu em seu artigo que os primeiros juvenis de saurópodes titanossauros se beneficiaram de uma capacidade temporária de visão binocular parcial. Isso forneceria uma percepção visual muito melhor.

Possivelmente, esses filhotes minúsculos tinham a habilidade de avaliar melhor as distâncias até o alimento ou presa, ou localizar predadores camuflados.

Embora os saurópodes adultos sejam famosos por serem gigantes – alguns com mais de 50 metros de comprimento – este embrião tem apenas poucos centímetros de comprimento.

A comparação de sua estrutura óssea com outras histórias de desenvolvimento embrionário sugeriu que ele havia completado cerca de 75% de seu período total de incubação no ovo.

Os ossos do crânio do bebê também continham mais cálcio do que em outros embriões de dinossauro. Então, o jovem já estava fazendo uso dos nutrientes da casca do ovo.

Kundrat deixa claro que não podemos descartar que essa seja a representação de um novo titanossauro.

Pesquisa publicada na Current Biology. Informações de Science Alert.

Você pode ajudar a divulgação científica a melhorar

Queremos nos tornar a maior referência em educação científica do Brasil e na língua portuguesa. Para isso, precisamos pagar os melhores jornalistas, revisores e freelancers de ciência. Fazendo uma doação mensal em nosso , você nos ajuda a nos manter independentes e continuar o nosso trabalho sem percalços. 

Fonte Socientifica