Casa Saúde Covid-19: Brasil tem 160 mil mortes e 5,56 milhões de casos acumulados

Covid-19: Brasil tem 160 mil mortes e 5,56 milhões de casos acumulados

por Alberto Lima


As mortes decorrentes da pandemia do novo coronavírus chegaram a 160.496, de acordo com o balanço do Ministério da Saúde divulgado na noite desta terça-feira (3), a partir de dados das secretarias estaduais de saúde.

Em 24 horas, foram registrados 243 óbitos. Ontem, o sistema de dados sobre a pandemia marcava 160.253 óbitos gerados pela doença. Ainda há 2.316 falecimentos em investigação.

O número de pessoas infectadas com o novo coronavírus desde o início da pandemia atingiu 5.566.049. Entre ontem e hoje, foram notificados 11.843 novos diagnósticos positivos. Ontem, o sistema do ministério trazia 5.554.206 casos acumulados de covid-19.

Conforme a atualização do Ministério da Saúde, ainda há 377.337 pacientes em acompanhamento. Outras 5.028.216 pessoas já se recuperaram da doença, ou seja 90,3% do total de infectados. 

Os casos e mortes são menores nos domingos e segundas-feiras em função da limitação de sistematização dos dados e alimentação do painel do Ministério da Saúde pelas secretarias estaduais aos fins de semana. Já às terças-feiras os números diários tendem a subir pelo acúmulo de casos do fim de semana reportado neste dia. Nesta semana, com o feriado de ontem (2) houve também uma redução do envio de registros pelas autoridades estaduais de saúde.

Covid-19 nos estados

Os estados com mais mortes são São Paulo (39.364), Rio de Janeiro (20.651), Ceará (9.362), Minas Gerais (9.050) e Pernambuco (8.643). As Unidades da Federação com menos casos são Roraima (692), Acre (695), Amapá (751), Tocantins (1.100) e Rondônia (1.460).

Boletim Epidemiológico covid-19

Boletim Epidemiológico covid-19 – Ministério da Saúde



Fonte EBC

Postagens Relacionadas

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Assumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Leia mais

Política de privacidade e cookies