Casa Esportes com dúvida no meio-campo, Tite mantém base contra o Urug

com dúvida no meio-campo, Tite mantém base contra o Urug

por Alberto Lima


A seleção brasileira encerrou hoje (16) a preparação para enfrentar o Uruguai nesta terça-feira (17), às 20h (horário de Brasília), no estádio Centenário, na capital Montevidéu. A partida é válida pela quarta rodada das Eliminatórias Sul-Americanas da Copa do Mundo do Catar 2022. Em entrevista coletiva, o técnico Tite afirmou que mandará a campo praticamente o mesmo time que bateu a Venezuela por 1 a 0 na última sexta (13), no Morumbi, em São Paulo.

A dúvida está no meio. Segundo o treinador, o volante Allan “teve um problema clínico”. O substituto – se o jogador do Everton (Inglaterra) não puder atuar – será Arthur.

“Definiremos a situação amanhã [terça], mas já fizemos os trabalhos com os atletas também. O Arthur trabalhou nesses dias com a possibilidade real [de jogar]. Não estamos esperando para definir ou para organizar”, disse Tite, em entrevista coletiva transmitida pela CBF TV.

Não faltaram problemas para Tite montar a equipe dos jogos contra Venezuela e Uruguai. Desde a divulgação da lista de convocados, oito atletas tiveram de ser cortados, seja por lesão ou infecção pelo novo coronavírus (covid-19). O atacante Pedro – que reclamou de um desconforto muscular após a vitória de sexta (13) – é a baixa mais recente. O meia-atancate Thiago Galhardo, do Internacional, foi chamado no lugar.

Já o lateral Alex Telles, que havia testado positivo para a covid-19, foi examinado novamente no domingo (15), com o resultado negativo divulgado nesta segunda. Apesar de estar assintomático e de ter saído da fase de transmissão do vírus, ele só poderia viajar ao Uruguai se o último teste não constatasse a presença do vírus, devido às normas sanitárias para entrada no país vizinho. Por garantia, Tite convocou o lateral Guilherme Arana, do Atlético Mineiro.

O Brasil deve ir a campo com: Ederson; Danilo, Marquinhos, Thiago Silva e Renan Lodi; Douglas Luiz e Allan (Arthur); Everton Ribeiro, Roberto Firmino, Richarlison e Gabriel Jesus.

Último treino

A última atividade antes do jogo com o Uruguai ocorreu no centro de treinamentos do São Paulo, na Barra Funda, zona oeste da capital paulista. Segundo o protocolo da Confederação Sul Americana de Futebol (Conmebol), os trabalhos não podem ser acompanhados in loco pelos jornalistas. Os primeiros 20 minutos do treino desta segunda-feira (aquecimento) foram exibidos pela CBF TV. Como é de praxe, os exercícios de bola parada não foram mostrados.

O Brasil lidera as eliminatórias com três vitórias em três jogos, contra Bolívia, Peru e Venezuela. O Uruguai, adversário desta terça, sofreu uma derrota e ganhou duas vezes. Também na sexta passada, a Celeste atropelou a Colômbia fora de casa por 3 a 0. A expectativa de Tite e da comissão técnica é de uma partida complicada diante do rival, de quem a Seleção não perde desde 2001.

“O jogo terá características diferentes. Jogar contra a Venezuela, em casa, tem uma proposta do adversário. O Uruguai jogando dentro da sua casa traz outra proposta. Seremos mais exigidos na defesa do que fomos pela Venezuela. Paralelamente a isso, teremos mais espaços para as criações ofensivas. É um jogo que se caracteriza com estratégias, formas e ideias de futebol diferente, de uma partida para outra”, analisou o técnico da seleção brasileira.

O auxiliar Cléber Xavier corroborou com a avaliação de Tite. “O Uruguai não vinha de um jogo bom contra o Equador [derrota por 4 a 2] e fez contra a Colômbia um início surpreendente, com marcação muito alta, muito forte. [o atacante Edinson] Cavani sendo o gatilho dessa pressão alta. No segundo tempo, uma marcação com três homens por dentro, entrou de novo no jogo, fez o segundo gol. A característica do Uruguai mantida sempre. É um adversário dos mais difíceis que a gente tem”. 

Confira a classificação das Eliminatórias da Copa do Mundo do Catar.





Fonte EBC

Postagens Relacionadas

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Assumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Leia mais

Política de privacidade e cookies