Casa Esportes Coluna – Turno do Brasileirão termina com dúvidas

Coluna – Turno do Brasileirão termina com dúvidas

por Alberto Lima


É verdade. Faltam ainda oito jogos para que se complete o primeiro turno da Série A do Brasileirão. E dois da Série B – um será nesta terça-feira (3) à noite. Mas já dá para tirar algumas conclusões e levantar algumas dúvidas para o returno do campeonato, nas duas principais divisões. Uma delas é bem interessante: é melhor se defender bem e buscar o resultado necessário ou atacar muito, deixando a defesa desprotegida? Claro que o ideal é conciliar as duas táticas, mas se você tivesse de optar, qual seria sua escolha?

A Chapecoense termina o turno da Série B na liderança, com apenas 21 gols marcados em 19 jogos e incríveis cinco gols sofridos – recorde histórico desde a implantação dos pontos corridos. Por outro lado, na Série A, o Flamengo está em segundo lugar – podendo ser ainda superado por Atlético Mineiro e São Paulo -, com 33 gols marcados, o melhor ataque das duas divisões, mas tendo sofrido 25 gols, o que deixa a torcida rubro-negra de cabelo em pé. A Chapecoense tem 11 vitórias, contra 10 do Flamengo.

É ou não é curioso que o time que se defende melhor vence mais? Isso significa que a Chapecoense joga de forma defensiva? Ou feio? Não necessariamente. Mas, decerto, joga com um padrão de jogo mais consistente. O que aconteceria num confronto direto entre os dois times? Sei lá, futebol é uma “caixinha de surpresas”, não é isso que dizem? Fato é que chamam a atenção essas duas situações. Bom tema para debate ao longo das próximas rodadas.

Disputa acirrada

Mas vamos falar agora da Série A. No momento, dois times somam 35 pontos: Internacional e Flamengo. O Atlético Mineiro pode ultrapassá-los no número de vitórias, se vencer o xará Paranaense, mas só iguala em pontos. Já o São Paulo, com três jogos em atraso (Goiás e Ceará, fora; e Botafogo, em casa), pode ir a 39. Só que não se sabe quando esses jogos serão realizados, em que momento vai estar cada um dos clubes envolvidos, o que não nos permite prever se o Tricolor paulista vai conseguir atingir essa pontuação.

Daí, comparar de forma objetiva com anos anteriores se torna mais difícil. O que dá pra dizer é que só em 2011 e em 2016 houve algo semelhante, de tantos times terminarem próximos o primeiro turno. E a história foi bem distinta.

Há nove anos, o Corinthians fechou o turno com 37 pontos, seguido por Flamengo (36), São Paulo e Vasco (35) e Botafogo (34). Mas o Timão só se firmou na liderança até o título na 32ª rodada.  Já o Palmeiras, há quatro anos, foi o primeiro do turno, com 36 pontos, o que também representa a pontuação mais baixa do primeiro turno, em toda a história dos pontos corridos. Atrás dele vieram o Atlético Mineiro (35), Corinthians e Flamengo (34), Santos (33) e Grêmio (32). Só que o Verdão não largou mais a ponta e foi o campeão.

Aliás, nos últimos sete anos, apenas em 2018 o campeão brasileiro garantiu a liderança no returno – o Palmeiras assumiu a ponta apenas na 27ª rodada, num dos quatro únicos anos em que o campeão do turno não festejou o título no fim. Nesse caso, foi o São Paulo. História que havia acontecido em 2008 com o Grêmio (São Paulo campeão), em 2009 com o Internacional (Flamengo campeão) e em 2012 com o Atlético-MG (Fluminense campeão).

E esse ano? Se a gente não sabe sequer quem é o campeão do turno, com o agravante de não saber inclusive quando isso será definido, como imaginar quem vai levantar a taça no fim do campeonato? Será que o Internacional vai se manter na ponta? Ou Atlético Mineiro/ou São Paulo vão superá-lo? E alguém pode arrancar no returno e roubar essa liderança?

Estou apostando que esse campeonato será dos mais disputados. O que demorou mais a ser definido foi o de 2009, quando o Flamengo assumiu a ponta na 37ª rodada. Ironicamente, o Rubro-Negro também está entre os que foram campeões com mais antecedência: no ano passado, foi campeão na 34ª rodada, como o São Paulo, de 2007, e o Cruzeiro, de 2013.

* Por Sergio du Bocage, apresentador do programa “No Mundo da Bola”, da TV Brasil



Fonte EBC

Postagens Relacionadas

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Assumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Leia mais

Política de privacidade e cookies