in

Cães enxergam em preto e branco? Saiba como eles veem o mundo

[ad_1]

Os cães definitivamente veem o mundo de forma diferente das pessoas, mas é um mito que os cães enxergam em preto e branco.

Enquanto a maioria das pessoas veem um espectro completo de cores do vermelho ao violeta, aos cães faltam alguns dos receptores de luz em seus olhos que permitem aos seres humanos ver certas cores, particularmente na faixa do vermelho e do verde. Mas os cães ainda podem ver o amarelo e o azul.

Cães enxergam em preto e branco? Não mesmo!
Diferentes comprimentos de onda de luz são registrados como cores diferentes no sistema visual de um animal. Acima temos a visão humana; logo abaixo é a visão do olho de um cachorro. É mito que os cães enxergam em preto e branco. (iStock / Getty Images Plus via Getty Images.

Se é mito que os cães enxergam em preto e branco, então como eles veem o mundo?

O que você vê como vermelho ou laranja, para um cão pode ser apenas mais uma tonalidade de bronze. Para meu cão, Sparky, uma bola laranja brilhante deitada na grama verde pode parecer uma bola bronzeada em outra tonalidade de grama bronzeada. Mas sua bola azul brilhante parecerá semelhante a nós dois. Uma ferramenta de processamento de imagens online permite que você veja por si mesmo como uma determinada imagem se parece com seu animal de estimação.

Os animais não podem usar a linguagem falada para descrever o que veem, mas os pesquisadores facilmente treinam os cães para tocar um disco colorido iluminado com o nariz para conseguir uma guloseima. Então eles treinaram os cães para tocar um disco de cor diferente de alguns outros. Quando os cães bem treinados não conseguiam descobrir qual disco apertar, os cientistas sabiam que não conseguiam ver as diferenças de cor. Estes experimentos mostraram que os cães só conseguiam ver amarelo e azul.

Na parte de trás de nossos olhos, as retinas dos seres humanos contêm três tipos de células especiais em forma de cone que são responsáveis por todas as cores que podemos ver. Quando os cientistas usaram uma técnica chamada eletroretinografia para medir a forma como os olhos dos cães reagem à luz, descobriram que os caninos têm menos tipos destas células em forma de cone. Em comparação aos três tipos de pessoas, os cães têm apenas dois tipos de receptores cônicos.

Como os cães enxergam o mundo
A luz viaja para a parte de trás do globo ocular, onde se registra com células em bastonete e cone que enviam sinais visuais para o cérebro. (iStock / Getty Images Plus via Getty Images)

Os cães não só podem ver menos cores do que nós, como provavelmente também não vêem tão claramente como nós. Os testes mostram que tanto a estrutura quanto a função do olho do cão os leva a ver as coisas à distância como mais desfocadas. Enquanto pensamos na visão perfeita em humanos como sendo 20/20, a visão típica em cães está provavelmente mais próxima de 20/75. Isto significa que o que uma pessoa com visão normal poderia ver a 75 pés de distância, um cão precisaria estar a apenas 20 pés de distância para ver tão claramente. Como os cães não leem o jornal, sua acuidade visual provavelmente não interfere em seu modo de vida.

É assim que enxergam os cães
Um aplicativo permite que você veja o mundo pelos olhos de um cachorro. (AndredosArcanos, Pixabay, CC0 Creative Commons e Andras Peter, Dog Vision)

É provável que haja muita diferença na habilidade visual entre as raças. Ao longo dos anos, os criadores selecionaram cães de caça como os galgos para ter melhor visão do que cães como os bulldogs.

A super visão dos cães

Enquanto as pessoas têm dificuldade de ver claramente em luz fraca, os cientistas acreditam que os cães podem provavelmente ver tão bem ao anoitecer ou ao amanhecer quanto podem no meio do dia. Isto se deve ao fato de que, em comparação com as retinas dos humanos, as retinas caninas têm uma porcentagem e um tipo de outro tipo de receptor visual mais elevado. Chamadas de células de vara devido à sua forma, elas funcionam melhor em condições de pouca luz do que as células cônicas.

Os cães também têm uma camada de tecido refletivo na parte posterior dos olhos que os ajuda a ver com menos luz. Este tecido espelhado como o tapete lúcido recolhe e concentra a luz disponível para ajudá-los a ver quando está escuro. O tapetum lucidum é o que dá aos cães e outros mamíferos o reflexo brilhante dos olhos quando presos em seus faróis durante a noite ou quando você tenta tirar uma foto com flash.

Os cães compartilham seu tipo de visão com muitos outros animais, incluindo gatos e raposas. Os cientistas acham importante que estes caçadores possam detectar o movimento de suas presas noturnas, e é por isso que sua visão evoluiu desta forma. Como muitos mamíferos desenvolveram a capacidade de forragem e caça no crepúsculo ou em condições escuras, eles desistiram da capacidade de ver a variedade de cores que a maioria das aves, répteis e primatas possuem. As pessoas não evoluíram para serem ativas a noite toda, por isso mantivemos a visão colorida e melhor acuidade visual.

Antes que você sinta pena de que os cães não sejam capazes de ver todas as cores do arco-íris, tenha em mente que alguns de seus outros sentidos são muito mais desenvolvidos do que os seus. Eles podem ouvir sons mais agudos de longe, e seus narizes são muito mais poderosos.

Este artigo foi republicado de The Conversation sob uma licença Creative Commons. Leia o artigo de original.

Tradução e adaptação de Damares Alves.

[ad_2]

Fonte Socientifica

Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0