Casa Esportes Atlético Mineiro vence o Corinthians e assume a ponta do Brasileiro

Atlético Mineiro vence o Corinthians e assume a ponta do Brasileiro

por Alberto Lima


Depois da derrota do Inter por 2 a 0 para o Santos, o Atlético Mineiro dependia apenas de si para retomar a liderança do Campeonato Brasileiro. Precisava vencer o Corinthians na Neo Química Arena, em São Paulo, na noite de sábado (14). E conseguiu. Mas não foi fácil. Aos cinco minutos da primeira etapa, o Corinthians saiu na frente. Luan, na meia esquerda, cruzou para Ramiro. O ex-jogador do Grêmio ajeitou e o garoto Davó não perdoou. Só que antes mesmo do gol já teve polêmica. O zagueiro Gil foi vencido na velocidade pelo atacante atleticano Vargas. O chileno, que estava estreando, caiu na área. Muita reclamação, mas o árbitro Rodrigo Dalonso Ferreira nem analisou o VAR. Mandou o lance seguir.

O empate do Galo só foi sair aos 15 da etapa final. Em bela troca de passes, Eduardo Vargas tocou de calcanhar para o lateral Guilherme Arana. O ex-jogador do Corinthians ficou cara a cara com Cássio e fuzilou o gol do Corinthians. Aos 37, os mineiros tiveram força para virar o jogo. Keno recebeu na direita, limpou Cafu e cruzou para Marrony fazer 2 a 1. Vitória fundamental que coloca a equipe do técnico argentino Jorge Sampaoli na liderança do campeonato nacional com 38 pontos. O Corinthians é o nono com 26 pontos. O próximo desafio dos paulistas será o Grêmio, em São Paulo, no domingo (22). O Galo pega o Ceará no mesmo dia.

SÃO PAULO VOLTA DO NORDESTE COM PRECIOSOS 3 PONTOS

Na Arena Castelão, o São Paulo venceu o Fortaleza por 3 a 2. Apesar do Tricolor paulista ter sido melhor durante praticamente todo o jogo, os cearenses saíram na frente. Aos 11, David ganhou da zaga e venceu o goleiro Tiago Volpi. Mas a arbitragem só confirmou o gol depois de três minutos de análise ao VAR. Aos 39, Rodrigo Nestor fez uma bela jogada e foi derrubado na entrada da área. O Gabriel Sara bateu e fez. São Paulo e Fortaleza empatavam em 1 a 1.

Na etapa final, teve gol do Fortaleza anulado pelo VAR aos oito minutos. Gol do São Paulo marcado pelo atacante Luciano aos 15 minutos e confirmado pelo VAR somente aos 19. Aos 28, Welligton Paulista aproveitou o rebote e empatou. Mas, aos 36, o Luciano confirmou a excelente fase e marcou outra vez. Vitória tricolor: 3 a 2.

A vitória manteve o Tricolor paulista em situação privilegiada. Atualmente, é o terceiro com 36 pontos, mas pelo aproveitamento é líder (com 66,7%), já que tem três jogos a menos que a maioria dos rivais. O Fortaleza está no meio da tabela (décimo segundo com 25 pontos). No domingo (22), o São Paulo pega o Vasco no Morumbi e o Fortaleza visita o Botafogo.

GRÊMIO DOMINA O CEARÁ, VENCE E EMBALA NO BRASILEIRO

Na Arena do Grêmio, em Porto Alegre, o Tricolor gaúcho voltou a fazer uma boa atuação. Com um primeiro tempo envolvente, o Grêmio fez 4 a 2 no Ceará. Contando Brasileiro, Copa do Brasil e Libertadores, a equipe do técnico Renato Gaúcho chegou à sétima vitória seguida.

O primeiro gol veio em belíssima cobrança de falta de Jean Pyerre aos 19 minutos. Pepê também deixou o dele. Foi aos 32. Kelvyn ainda fez para o Ceará em chute despretensioso de longe aos 36 minutos. Mas apenas três minutos depois, os gaúchos acabaram com a reação do Vozão. Em contra-ataque, Luiz Fernando deixou Diego Souza livre para fazer.

No segundo tempo, em ritmo de treino, o Tricolor ainda marcou mais um. Churín de cabeça. Foi o primeiro do argentino pelo Grêmio. Aos 47, o Ceará ainda teve tempo de descontar com o zagueiro Tiago. Placar fechado em 4 a 2.

Com o resultado, o Grêmio chegou aos 33 pontos (na sexta posição). Mas, com o confronto direto entre Palmeiras e Fluminense, que começa às 21h30, o Tricolor gaúcho vai ser ultrapassado por um deles e finalizará a rodada em sétimo. O Ceará está em décimo terceiro com 24 pontos. No domingo (22), o Grêmio visita o Corinthians. O Ceará recebe o Atlético Mineiro. Mas, no meio de semana, eles jogam pela Copa do Brasil. O Grêmio recebe o Cuiabá e o Ceará tem o Palmeiras pela frente em Fortaleza.

FURACÃO VENCE EM GOIÂNIA

O Athletico-PR venceu o Goiás por 1 a 0 neste sábado (14) e confirmou a segunda vitória consecutiva. Reação que tirou a equipe de Curitiba da zona de rebaixamento de forma parcial, já que a manutenção dessa posição depende de resultados parelelos. Atualmente, a equipe está na 16ª posição com 22 pontos.

O gol do jogo foi do centroavante Renato Kayzer, aos 19 da etapa inicial. O Goiás segue na lanterna com apenas 12 pontos e não vence a 11 jogos. No sábado (21), o Goiás recebe o Palmeiras. O Furacão joga contra o Santos na Arena da Baixada.





Fonte EBC

Postagens Relacionadas

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Assumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Leia mais

Política de privacidade e cookies